28 de novembro de 2022

A UNESCO no Brasil  participa  da 10ª edição da Festa Literária de Cachoeira (FLICA), no recôncavo baiano, que acontece de hoje até o dia 6. Nesta quinta-feira,    a Organização vai apresentar, num encontro presencial, a iniciativa #EDUCASTEM2030, que tem objetivo de reverter o desafiador cenário de exclusão de meninas e mulheres nas áreas de STEM, sigla em inglês para ciências, tecnologias, engenharias e matemática. Deste nodo, em 2022, por meio de estratégias de formação de professores e estudantes, iniciativas de comunicação e advocacy e mapeamento de redes, a iniciativa contempla e tem como objetivo impactar de forma positiva os âmbitos identificados (individual, social, escolar e familiar), a fim de reverter o cenário de exclusão.  No dia 4, haverá, ainda, roda de conversa com a cientista baiana Eliade Ferreira de Lima, da Sociedade Astronômica Brasileira, com o tema “Como alcancei as estrelas”, mediada pela estudante Gabriela Vitória, que participou das oficinas realizadas com estudantes da rede estadual de educação da Bahia, a partir de uma metodologia de educomunicação. Ao longo do dia também  acontece uma oficina com jovens estudantes baianos que participaram da formação Jovem Líder STEM e será exibido um vídeo da UNESCO com a mensagem de que deixar meninas e mulheres fora da educação e das carreiras em STEM é uma perda para a Humanidade. Com exemplos de algumas mulheres cientistas que transformaram o mundo, o material também convida a todos para adesão à iniciativa #EDUCASTEM2030.

Redes Socias

Deixe um comentário