30 de novembro de 2022

Grafismo com inspiração no I Ching

O espaço urbano é a motivação da artista visual Marcela Gontijo. Ela gosta de viajar e apreende de cada lugar uma essência bem pessoal. A partir de sábado, dia 5, apresenta a mostra inédita “Oráculo”, na Galeria Movimento, na Gávea, Rio.

A série de telas tem como referência o tratado milenar chinês “I Ching, o Livro das Mutações”, e esta ideia surgiu quando morou em Hong Kong, entre 2012 e 2015. De volta ao Brasil começou a experimentar o sistema em seu trabalho.

Ela conta que nunca “jogou” o I Ching para uso pessoal, e sim para se apropriar “do mecanismo interessante da combinação das linhas”. A tradição de um tratado filosófico-espiritual ganha interpretação moderna nas linhas geométricas de cada tela onde não faltam cores fortes como verde, azul cobalto, amarelo, vermelho, ocre, violeta e laranja.

Felipe Scovino, curador da mostra, explica que o que o atrai neste trabalho: “A forma de como ela lida com o paradoxo entre seu sistema de regras muito objetivas e o acaso do jogo do I Ching”.

Marcela Gontijo morou em São Paulo e na Cidade do México, antes de Hong Kong, e vive em Brasília, mas nasceu em Belo Horizonte. No Rio fez duas exposições individuais na Galeria Movimento, ambas com curadoria de Felipe Scovino: “New Territories”, em 2016, e “Outros possíveis são possíveis”, em 2010.

Seu trabalho transita entre pintura, fotografia, instalação e performance. Nada mais atual!

Fotos Rafael Salim

 

“Oráculo”, Marcela Gontijo

Galeria Movimento

Rua dos Oitis, 15, Gávea, RJ

De 5 de novembro a 3 de dezembro

De terça a sexta, das 11h às 19h

Sábado, das 13h às 18h

Entrada gratuita

Redes Socias

Deixe um comentário