4 de dezembro de 2022

Nos últimos anos a CCIR vem chamando à razão da sociedade para o perigo de uma ditadura religiosa em um país como o Brasil, que é diversificado, repleto de crenças e laico. A comissão, que é a única no mundo a reunir diversos tipos de credos em uma manifestação, se prepara pra receber mais 20.000 pessoas, no domingo, 20, das 9h às 17h, na  Orla de Copacabana. Representantes do candomblé, umbanda, evangélicos, católicos, budistas, muçulmanos, judeus, wiccanos, hare krishnas, ciganos, dentre outros que já confirmaram presença. Além de novos adeptos como mórmons e bases evangélicas.
A marcha de 2015 terá a participação especial no palco com Arlindo Cruz e Rogê, além de outras apresentações durante todo o dia. O interlocutor da Comissão (CCIR), babalaô Ivanir dos Santos, atesta que o ano de 2015, a caminhada tomou uma configuração diferente das anteriores.

Redes Socias

Deixe um comentário