29 de setembro de 2022

O poeta e agitador cultural, Fernando Sá lança hoje, às 19h, na Blooks, em Botafogo, seu primeiro livro solo. “Luzes da ponte invisível” apresenta 66 textos, entre poemas, contos, crônicas e prosa poética, divididos em três partes (“Matutino”, “Vespertino” e “Noturno”). O material não foi agrupado por gêneros, mas por assuntos afins que versam sobre a arte da escrita e os (dês)encontros amorosos, entre outros temas. 

Como bom militante cultural que é, Fernando gosta de se cercar dos amigos e colegas de ofício. No seu primeiro livro solo não foge a essa regra. A orelha é assinada por Cairo Trindade, de quem foi aluno, tendo frequentado as oficinas literárias do mestre, e de quem hoje se tornou amigo. Já a quarta capa traz comentários dos poetas Marcus Vinícius Quiroga, Laura Esteves e de Paula Wenke. E o prefácio do livro é assinado por Tanussi Cardoso, que destaca a “inteligente ironia” presente em muitos dos textos, ao mesmo tempo em que chama a atenção para o despudor do autor em se desnudar através de seus escritos. “Fernando Sá não tem medo de se desnudar, e se apresenta ao leitor com a coragem que todo o escritor deve possuir, pois sabe que, indo ao encontro de si mesmo, de alguma forma vai encontrar o outro a sua frente”, observa ele. Que não falte ao leitor a coragem de também mergulhar fundo.

Redes Socias

Deixe um comentário

Related News