2 de outubro de 2022

Quem passa pela Avenida Lúcio Costa, na Barra da Tijuca, já percebe que a Trump Organization, propriedade do presidente eleito dos Estados Unidos, retirou sua marca do único hotel da América do Sul que leva seu nome, o Trump Hotel do Rio de Janeiro. A empresa diz que a quebra do negócio foi motivada pela demora na construção do edifício de 171 quartos, com chão de mármore importado da Turquia e papel de parede holandês. O hotel, que custou cerca de 333 milhões de reais, foi projetado para as Olimpíadas do Rio e ainda está inacabado.

Redes Socias

Deixe um comentário

Related News