29 de janeiro de 2023
Diretor da Sergio Castro Imóveis,  o empresário Claudio André Castro comentou reportagem publicada por Quintino Gomes Freire, no Diário do Rio, sobre o abandono do Oratório de Nossa Senhora do Cabo da Boa Esperança,  pela Ordem Terceira do Monte do Carmo,  no Centro do Rio de Janeiro.
A Ordem Terceira do Monte do Carmo é a associação responsável pela obra e deveria ter a obrigação de cuidar do bem histórico. Quem visitar o local,  poderá verificar,  presencialmente, o problema. O monumento, do século XIII, tombado pelo IPHAN, está pixado e destruído,  há mais de uma década.
“É vergonhoso e injustificável o desprezo pelo patrimônio histórico e pelo berço da civilização brasileira. É preciso ação dos órgãos de patrimônio contra essas associações,  que negligenciam nossa história”,  disse Cláudio André Castro. 
Redes Socias

Deixe um comentário